BEM-VINDOS

A língua é uma das minhas maiores paixões - seja no campo da linguística seja relativa ao paladar. Este blog está centrado na primeira opção, mas de tudo um pouco pode ser encontrado aqui: leituras deleite, dicas, tira-dúvidas, análises linguísticas e tópicos de gramática normativa, curiosidades, humor e muito mais. Está esperando o quê?! Professor Diogo Xavier

Conheça nossas soluções em Educação

FAÇA SUA BUSCA POR ASSUNTO AQUI

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

VII EELL - Encontro Sobre o Ensino de Língua e Literatura

Repasssando o convite para o evento que ocorrerá na FACHO, em Olinda, nos dias 4 e 5 de Setembro.
VII EELL - Encontro Sobre o Ensino de Língua e Literatura
III CONEL - Congresso Nacional Sobre o Ensino de Língua e Literatura

Funcionalismo e Dialogismo no Ensino de Língua e de Literatura
O Encontro sobre o Ensino de Língua e de Literatura da Faculdade de Ciências Humanas de Olinda tem possibilitado a todos os que atendem ao nosso convite, há sete anos, momentos de ricas trocas de experiências e de relevantes discussões acerca do ensino de linguagem. Este evento reflete a vocação da FACHO para o serviço à comunidade, com o objetivo de contribuir, em última instância, para a melhoria da qualidade de vida das pessoas, que têm potencialidades, mas necessitam de ajuda para poder desenvolvê-las.
Com o firme propósito de continuar oferecendo aos educadores que se dedicam ao ensino de língua e de literatura um espaço para a interlocução e para a divulgação de resultados de pesquisas científicas, o Departamento de Letras da FACHO faz novo convite neste ano de 2009 e espera contar com a presença de todos aqueles que desejem fazer parte do nosso grupo, a fim
de ampliar as possibilidades de novas descobertas e de conhecimento de dinâmicas didático-metodológicas para o aprimoramento de suas práticas pedagógicas.

Conferência de abertura: Levando à escola uma gramática de base funcionalista Proferida pela Profa. Dra. Maria Helena de Moura Neves - (UNESP)

Acesse o link abaixo para obter maiores informações:

http://www.eell.com.br

Atenciosamente,
Organização

VII Encontro sobre o Ensino de Língua e Literatura
III Congresso Nacional sobre o Ensino de Língua e Literatura
Faculdade de Ciências Humanas de Olinda - FACHO
Rodovia PE 15 - Km 3,6 - Ouro Preto - Olinda, PE - CEP: 53250-770
Fone: 81-3429-4100

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Pérola de última hora

Estava eu navegando no site http://www.desencannes.com/, quando me deparei com uma ótima pérola. O site, se entendi bem, é para as pessoas que acessam criarem propagandas engraçadas, descontraídas de produtos conhecidos. Como eu havia dito (e demostrado) no post anterior, explicar tira a graça, então aí vai a propaganda (que seria para o Alcoólicos Anônimos):

Mais um episódio da série: Pérolas da Publicidade
















































Essas duas são da Porsche que, pra quem não sabe, é uma marca (não modelo) de carro. Como quase todo texto publicitário, é preciso levar em conta uma série de pressupostos e ter um conhecimento prévio para entender. Primeiro, é preciso saber que, por ser da Porsche, trata-se de uma propaganda de carros. Assim como a Ferrari, a Porsche é conhecida por seus carros luxuosos, caros e velozes. Subentende-se, então, que o cigarro e as folhas das imagens foram jogadas violentamente contra a árvore e a placa de sinalização. Como? O carro da Porsche passou numa velocidade tão grande que o vento movido pelo automóveul jogou-os com essa força.

Enfim, concluo que propaganda é que nem piada: se for explicada não tem graça.


Essa propaganda é de um produto limpa-vidros. E por que o peixe com o capacete? Bem, vamos lá. O que se espera de um limpa-vidros? Que deixe a superfície de objetos de vidros bem limpas, brilhantes, transparentes (se for o caso). Um peixe que está num aquário extremamente limpo corre o risco de não ver o vidro e bater com a cabeça nele. Aff...
Tá vendo? Eu não disse que explicar tira a graça?

Surpresa animadora

Hoje, enquanto buscava inocentemente no Google exercícios de acentuação, tive uma ótima surpresa, que eu não poderia deixar de mostrar aqui.
Logo na primeira página da pesquisa, no sexto resultado, olha o que apareceu:




Sem dúvida, essa surpresa é bastante animadora.
Abraço a todos.
Diogo Xavier

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Reflexões sobre a internet

Me ocorreu (com o perdão da não-ênclise [são só reflexões, reservo-me no direito de desrespeitar um pouco a norma padrão neste momento]); enfim, me ocorreu, enquanto buscava algo de interessante na internet, o quanto estamos sujeitos a informações falsas ou manipuladas na grande rede. Gosto de visitar, de vez em quando, o site "www.e-farsas.com". Lá eu vejo muitos exemplos de e-mails que costumamos receber, revelando alguma informação "importantíssima" ou "bombástica", ou até mesmo e-mails "solidários", dizendo que se a mensagem for encaminhada para outras pessoas uma criança "pentaplégica" ia ganhar não sei quantos centavos da microsoft ou da nasa para cada e-mail. Aff... e tem gente que acredita. E como tem!!! Na verdade, esses e-mails têm o único objetivo de coletar o máximo de endereços eletrônicos para serem vendidos a empresas que enviam propagandas (lixos) eletrônicas que enchem nossa caixa de entrada. O site que citei está há 7 anos na web, desmascarando esse tipo de informações falsas.
Mas não era isso que eu estava pensando. Eu pensei no quanto é fácil encontrar informações não muito confiáveis em pesquisas na internet. Por exemplo: se eu postar, aqui no blog, que xarope de guaraná com limão e farinha de mandioca previne o contágio da gripe A e inventar citações de pesquisadores que não existem, é inevitável que alguém acredite (claro que estou exagerando na informação, só pra exemplificar) e copie para outro blog ou site e, ao estar presente em várias páginas da internet, a informação vai passar a ser "confiável", podendo ser copiada até para sites como o Wikipédia. Isso acontece de verdade. Muitas vezes me deparo com textos atribuídos a Arnaldo Jabor, Luís Fernando Veríssimo, entre outros, que na verdade eles não escreveram. Também vejo amigos reenviando mensagens como: "A Ericcson está distribuindo notebooks", "digitar a senha de banco ao contrário libera o dinheiro e aciona a polícia(recurso anti-sequestro)", entre outras falácias. Aff³... São só alguns exemplos do que estou falando.
Sabemos que na "vida real" existem pessoas com más intenções, que visam prejudicar ou levar vantagem sobre os outros. Na internet não podia ser diferente. Grande parte da sociedade já vive "ligada" para não cair nas mãos de indivíduos maliciosos. Mas parece que quando se trata da internet ela relaxa. Além dos inúmeros crimes virtuais, há pessoas que, por algum motivo, usam a internet para transmitir falsas informações (para mim é crime da mesma forma).
Mesmo tomando uma série de cuidados, é difícil identificar quais informações são, de fato, verídicas ou confiáveis. Por esse motivo, vou passar a tomar (ainda mais) cuidado ao trazer informações de outros sites da rede para este blog.
Lembrei-me da música "3ª do plural", dos Engenheiros do Hawaí", no trecho que diz: "quem mente antes diz a verdade". No caso da internet, quem mente de forma convincente diz a verdade e ainda é copiado.
Pensem nisso!
Se você aguentou ler até o fim este texto longo e enfadonho, obrigado e desculpe o incômodo. Se não leu tudo, fez bem.
Abraços e até a próxima.
Diogo Xavier

Uma charge vale mais que mil palavras...


José Sarney e a gripe A continuam no TOP 10 dos temas de charges pelo país.

Charges retiradas do site: www.chargeonline.com.br



Posts Relacionados

VOTE EM MINHA LÍNGUA E EU